6.17.2010

OFICINAS DE ARTE DE RUA


Fecham, neste sábado, 19, as inscrições para a segunda edição das Oficinas de Técnica de Arte de Rua, em Jaraguá do Sul. Interessados devem comparecer ao Espaço CrossCristo, na Rua Ângelo Schiochet, no período vespertino ou no Sarau Cultural no Museu Emílio da Silva no sábado 19. Voltada para jovens entre 13 e 19 anos, as oficinas iniciam no final de junho e seguem por dois meses, sempre nos domingos de manhã. É preciso estar estudando ou ter concluído o ensino fundamental para se inscrever.

As aulas serão ministradas pelo designer Carlos Felipe Urquizar, mais conhecido como Chilenus, grafiteiro nas horas vagas. Os módulos passarão por fundamentos de desenho, cores, Gestalt, estêncil, serigrafia, sticker e graffiti. “Um processo importante para a criação é se alfabetizar visualmente, ter consciência do desenho, e para isso, precisa-se de prática”, explica Urquizar. Um caderno de esboços é uma das principais formas de exercitar a observação e também o próprio traço. Quem já possuir um desses, deve apresentar no dia da inscrição.

O projeto Oficinas se caracteriza pela metodologia de criação e desenho, e proporciona aos participantes acesso a todos os materiais gratuitamente. Além disso, artistas jaraguaenses, como Charles Klitzke, Celaine Refosco e Vera Bagatoli, também estão ajudando. “O melhor é poder contar com o apoio de mais gente nesse projeto de 2010, é o resultado da primeira edição”, frisa.

Neste ano, o projeto Oficinas recebeu apoio do Edital Elisabete Anderle, que contempla um investimento de R$ 6,8 milhões para o setor cultural no Estado de Santa Catarina. O projeto recebeu R$ 10 mil, que auxiliaram na compra do material completo, desde máscaras a luvas, latinhas de spray, tinta, solvente, pincéis, etc.

O projeto-piloto das Oficinas foi contemplado pela Prefeitura Municipal de Jaraguá do Sul e a Fundação Cultural de Jaraguá do Sul, através do Fundo Municipal de Cultura. Em 2009, realizou cinco oficinas de técnicas de arte de rua no município de Jaraguá do Sul, com 10 alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Luiz Gonzaga Ayroso.

Um comentário: